Emigrantes podem votar em Paderne como aldeia mais bela de Portugal

A organização do concurso 7 Maravilhas de Portugal – Aldeias já abriu a votação aos emigrantes residentes em alguns países europeus, nomeadamente a Bélgica, Luxemburgo, França, Alemanha, Inglaterra e Suíça, o que permite elegerem Paderne, a única localidade algarvia na fase final do concurso, como a mais bela Aldeia Rural.

“As aldeias são as raízes de muitos emigrantes espalhados pelo mundo. É no Verão que retornam às suas terras, é pela televisão que vão matando as saudades de casa, e é para eles que abrimos a votação internacional, para que possam participar e eleger as aldeias-maravilha do seu país”, explica Luis Segadães, presidente do concurso.

“Este é um momento inédito a nível nacional em iniciativas deste género, pois pela primeira vez a própria RTP possibilita a votação internacional”, acrescenta.

Para cada país só há um número de telefone e uma mensagem de voz informa o número correspondente a cada finalista, composto por três dígitos, e que deve ser marcado para concluir a votação.

Os números de votação são os seguintes: Bélgica: 090533530 (chamada 1,5€ vat incluído); Luxemburgo: 90149401 (1,5€); França: 0890002231 (1€); Alemanha: 01377440029 (1€); Inglaterra: 09076212587 (3£); Suíça: 0906906244 (3,6 CHF). Após discarem estes números, as pessoas devem marcar os três dígitos correspondentes, no caso, à aldeia de Paderne: 103. Se estiverem em Portugal, para votar em Paderne basta ligarem para o número 760 10 70 03.

As sete aldeias eleitas em cada uma das categorias serão conhecidas já neste domingo, 3 de setembro, aquando da declaração oficial das 7 Maravilhas de Portugal – Aldeias, em gala marcada para Piódão.

Paderne, situada no concelho de Albufeira, é uma das finalistas na categoria de Aldeias Rurais. Ao todo são 49 as candidatas à disputa do primeiro lugar em sete categorias: Aldeias Rurais, Aldeias Autênticas, Aldeias Monumento, Aldeias em Áreas Protegidas, Aldeias Remotas, Aldeias de Mar e Aldeias Ribeirinhas.

You may also like...

Deixar uma resposta