GNR apreende arsenal em Loulé após queixa de violência doméstica

IMG_4072

Militares do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) do Comando Territorial de Faro da GNR realizaram ontem busca domiciliária a um residência localizada no concelho de Loulé, no seguimento de investigação relacionada com o crime de violência doméstica.

As diligências foram feitas na sequência de uma denúncia formalizada por alegada vítima de 19 anos, tendo resultado da busca domiciliária à casa dos denunciados no processo (namorado e mãe do mesmo) a apreensão de três espingardas de ar comprimido calibre 4,5mm, uma espingarda de ar comprimido calibre 5,5mm, um sabre duas mocas de fabrico artesanal, um bastão de fabrico artesanal, cinco armas brancas de diversas dimensões, uma faca borboleta, 33 cartuchos calibre 12, duas caixas de chumbo calibre 5,5mm, uma munição 9mm, um punho em madeira pertencente a arma de fogo sem mecanismo de disparo e dois canos justapostos.

Os visados no processo, cidadãos portugueses (mãe e filho) com 42 e 19 anos de idade, foram constituídos arguidos e prestaram termo de identidade e residência, tendo sido interrogados nessa condição.

You may also like...

Deixar uma resposta