Maratona fotográfica assinala Dia Internacional dos Arquivos

Registar através da fotografia a cidade de Albufeira em 2019 para memória futura é uma iniciativa do Arquivo Histórico de Albufeira, agendada para 9 de junho, que assinala o Dia Internacional dos Arquivos.

Esta maratona, intitulada “Da memória se faz futuro”, decorrerá entre as 9 e as 17 horas e conta com a colaboração do fotógrafo Rui Carvalho.

No âmbito do Dia Internacional dos Arquivos, 9 de junho, o Arquivo Histórico de Albufeira promove uma maratona fotográfica que visa destacar a história, o património arquitetónico, o documental, o religioso e natural da cidade, assim como o quotidiano dos residentes e turistas.

Esta maratona, intitulada “Da memória se faz futuro”, tem como objetivo registar a cidade de Albufeira em 2019, para memória futura, contribuindo desta forma, para a construção da identidade desta comunidade. A iniciativa conta com a colaboração de Rui Carvalho fotógrafo de referência com várias exposições realizadas.

A maratona é gratuita e terá lugar na cidade de Albufeira, estando aberta ao público mediante inscrição prévia, não havendo distinção entre fotógrafos amadores ou profissionais. Há prémios em vales nos valores de 400 euros, 250 euros e 150 euros para o primeiro, segundo e terceiro lugares.

Os Arquivos Fotográficos constituem uma parte significativa dos espólios à guarda das instituições públicas que mais interesse têm despertado tanto em investigadores, como na comunidade local.

A importância dada a estes documentos únicos deve-se ao facto de serem registos históricos que abrangem todos os aspetos da atividade humana tanto a nível cultural, social, político e antropológico. É por iniciativa da UNESCO que o 9 de junho é consagrado aos Arquivos.

Os interessados podem inscrever-se online a partir de 17 de maio até 6 de junho.

You may also like...

Deixar uma resposta