Município de Olhão junta-se a missão humanitária da ACASO

A Câmara Municipal de Olhão decidiu juntar-se ao projeto humanitário que está a ser desenvolvido pela ACASO – Associação Cultural e de Apoio Social de Olhão, junto da população de Vila Nova de Oliveirinha, localidade do concelho de Tábua afetada pelos incêndios de outubro passado.

Na sequência da tragédia ocorrida no dia 15 de outubro de 2017, que destruiu grande parte do património cultural e identitário daquela localidade, a ACASO, através de um grupo de utentes do Centro Comunitário Al-Hain envolvidos no projeto ‘Lendas e Rendas’, pretende contribuir para a dinamização cultural e artística da região devastada, devolvendo a vida a espaços emblemáticos da vila do distrito de Coimbra que perderam a vivacidade com os incêndios.

Neste sentido, já no início de março, um grupo de utentes daquele projeto  vai deslocar-se a Vila Nova de Oliveirinha, para interagir e contribuir, juntamente com a população local, para a criação artística das peças a expor.

Na mesma ocasião seguirá a ajuda da autarquia, que decidiu contribuir com 60 conjuntos de produtos alimentares tradicionais de Olhão. A par desta colaboração, e em parceria com a Conserveira do Sul, seguem também conservas, que serão, igualmente, entregues à população.

“É um motivo de satisfação imensa constatar o dinamismo e o espírito solidário desta instituição particular de solidariedade social do concelho, que não ficou indiferente a uma tragédia que aconteceu longe, mas que a todos nos tocou tão de perto”, refere a propósito a vereadora Elsa Parreira, acrescentando que “juntamos com todo o prazer o nosso contributo à missão da ACASO, pois não poderíamos focar indiferentes a este esforço tão meritório.”

You may also like...

Deixar uma resposta