Rede de Teatros do Algarve em estreia nacional no Cine-Teatro Louletano

No próximo sábado, dia 6 de outubro, pelas 21h30, sobe ao palco do Cine-Teatro Louletano o projeto inédito e de cariz experimental “Moda Vestra”, a partir de uma encomenda artística da Rede Azul – Rede de Teatros do Algarve.

O objetivo subjacente foi o de estimular e valorizar a criação contemporânea com protagonistas algarvios e a sua circulação pela região. O coletivo de artistas (naturais do Algarve) João Frade (acordeonista), Sickonce (produtor de música eletrónica) e Ana Perfeito (artista visual) reuniu-se para, a partir das sonoridades musicais tradicionais da região e outros universos, explorar a ambiguidade entre o tradicional, o passado, o tempo atual e visões de futuro do Algarve, isto numa ótica de releitura contemporânea.

A fusão de estilos e meios diferentes visualiza a entrega de uma identidade una mas em aberto. Uma entrega “vestra” com o intuito de ser completada pelo público. Deste princípio surge a origem do nome “Moda Vestra”: Moda de “atual” e de “canção tradicional”; Vestra do latim “teu/tua”.

“Moda Vestra” é um espetáculo surpreendente e inovador que abre novos horizontes criativos, tendo 11 apresentações agendadas entre outubro deste ano e março de 2019 nas várias salas dos coprodutores numa lógica de circulação e descentralização culturais.

Integram este projeto os seguintes membros da Rede Azul – Rede de Teatros do Algarve: os Municípios de Loulé, Faro, Albufeira, Castro Marim, Lagoa, Lagos, Olhão, Portimão, São Brás de Alportel, Silves e Tavira. Apoiam este projeto a Mito Algarvio – Associação de Acordeonistas do Algarve, sendo parceiro da área turística a empresa ProActiveTur, Lda. – Projecto TASA, para além do programa 365 Algarve/Turismo de Portugal e da Direção Regional de Cultura do Algarve.

O preço dos bilhetes é de 5 euros e o espetáculo tem uma duração aproximada de 75 minutos dirigindo-se a maiores de 12 anos, sendo que têm entrada gratuita, mediante a disponibilidade da sala, os jovens com 18 anos ou que ainda venham a fazer 18 anos no presente ano no âmbito do projeto “És Cultura 18!”.

You may also like...

Deixar uma resposta