VIII Jornadas d’O Companheiro dão pistas para “aprender a envelhecer”

Estimular para a resolução de problemas reais que envolvam o reconhecimento de padrões complexos, o planeamento a longo prazo e a tomada de decisão no acompanhamento da população cada vez mais envelhecida foram alguns dos objetivos das VIII Jornadas d’O Companheiro, intituladas “Percursos em Liberdade: Aprender a Envelhecer”, que tiveram lugar a 3 de outubro passado, no Auditório Carlos do Carmo, em Lagoa.

O evento, organizado pela Câmara Municipal de Lagoa pelo quarto ano consecutivo e promovido pela Companheiro – investigação e desenvolvimento, contou com a presença de várias instituições do concelho e palestrantes de reconhecido mérito nacional. A sessão de abertura contou com a presença do Presidente da Associação O Companheiro, João Marques de Almeida, e da Vereadora da Ação Social da Câmara Municipal de Lagoa, Anabela Simão e o encontro prosseguiu com a intervenção do Professor Doutor Pinto da Costa (“Envelhecer com Alegria apesar de tudo”).

Moderada pelo Presidente da Assembleia Municipal de Lagoa, Águas da Cruz, a mesa de debate contou com as comunicações da Professora Aurízia Anica (Universidade do Algarve), Professor Américo Baptista (O Companheiro, IPSS e Escola de Psicologia e Ciências da Vida da Universidade Lusófona) e Joaquim Garcia (Procurador-Adjunto da Comarca de Faro – Instância de Portimão). Foram discutidos e apresentados temas pertinentes como “Envelhecer no Algarve”, o programa d’O Companheiro para a promoção de um envelhecimento ativo e positivo e os procedimentos legais envolvidos na Lei do Maior Acompanhado, que entrará em vigor no próximo ano.

Os Diretores dos Estabelecimentos Prisionais do Algarve, Júlio Melo, Alexandre Gonçalves e Ricardo Torrão (Olhão, Faro e Silves, respetivamente), elucidaram os presentes sobre as respostas dadas aos processos de envelhecimento no seio das prisões. O Capitão Fernandes, da Guarda Nacional Republicana, deu em seguida a conhecer os vários programas de proximidade e de intervenção com a pessoa idosa nos concelhos de Lagoa e Silves. Para finalizar, o Professor Doutor José de Almeida Brites, Diretor Executivo da Associação O Companheiro, encerrou as VIII Jornadas com a comunicação “O Filofax de uma memória livre: da receita ao poema”.

You may also like...

Deixar uma resposta