Viv’o Mercado está de regresso a Lagos

Os finais de tarde de quarta-feira, no Mercado do Levante, em Lagos, acolhem de novo o projeto Viv’o Mercado, a partir de 17 de abril.

Desta forma, em complemento ao mercado que se realiza aos sábados de manhã, a iniciativa irá prolongar-se durante todo o ano, “possibilitando aos residentes e visitantes consumir produtos locais, predominantemente de origem biológica”, reforçou a Câmara Municipal de Lagos em nota de imprensa.

O projeto mantém os objetivos de promover modos de vida saudáveis e sensibilizar para a importância de práticas ambientais e sociais sustentáveis e inclusivas.

Além do enfoque na promoção da agricultura biológica, o Viv’o Mercado distingue-se, de igual modo, por dispor de uma zona de convívio, com animação, espaço criança e um conjunto de tasquinhas, cujo lema é “da banca ao prato”, ou seja, os produtos comercializados são, na maioria, adquiridos junto dos vendedores do Viv’o Mercado.

Outro aspeto relevante, segundo a autarquia lacobrigense, é o de permitir às entidades locais a utilização de mais um espaço para mostrar o trabalho que desenvolvem. “Trata-se, igualmente, de uma iniciativa que procura envolver os participantes na dinamização do mercado, através de reuniões plenárias onde são convidados a dar contributos para a consolidação e melhoria do projeto”, afirma.

O Viv’o Mercado é gerido por uma Comissão Organizadora composta por cinco entidades parceiras da Rede Social de Lagos (Câmara Municipal de Lagos, Núcleo Especializado para o Cidadão Incluso NECI], Projeto Novas Descobertas, Associação Infância Viva – Jardim Waldorf Internacional e Centro de Assistência Social Lucinda Anino dos Santos CASLAS]) e três produtoras biológicas certificadas (Fátima Torres, da Quinta das Seis Marias, Délia Kegel, da Vinha Velha Agropecuária e Maria de Lurdes Borralho).

You may also like...

Deixar uma resposta