Albufeira constrói reservatório que aumenta a capacidade de abastecimento de água

A empreitada de ampliação do Reservatório da Mosqueira, incluindo condutas adutoras de interligação ao sistema de  abastecimento de água existente, arrancou esta segunda-feira, dia 15 de fevereiro. Trata-se de um novo reservatório  que contempla a construção de duas células semienterradas, implantadas à cota de 103.20m, com capacidade de  3. 000m3 cada (6.000m3 no total) e respetiva câmara de manobras, num investimento total próximo de 1,5 milhões de  euros. José Carlos Rolo sublinha que a construção do equipamento irá aumentar a capacidade de abastecimento de  água numa vasta área urbana do concelho, que abrange toda a zona central de Albufeira, desde o Montechoro,  passando pela Corcovada, Avenida Sá Carneiro norte, Correeira, Areias de S. João e Vale Pedras. 

O presidente da Câmara Municipal de Albufeira esclarece que a ampliação deve-se ao facto de o depósito existente no local  ter mais de 20 anos, sublinhando “a necessidade de aumentar a capacidade de reserva de água, tendo em conta que o  equipamento abastece uma vasta área urbana, cerca de 1/3 da população do concelho”, nomeadamente toda a zona  central de Albufeira, desde o Montechoro, passando pela Corcovada, Avenida Sá Carneiro norte, Correeira, Areias de S. João  e Vale Pedras. José Carlos Rolo sublinha “a importância de reforçar o sistema de abastecimento de água no concelho, cuja população residente ronda os 41 mil habitantes mas que durante o Verão chega a atingir as 400 mil pessoas, o que implica  um enorme esforço por parte da autarquia em termos de investimento, refletido na necessidade de sobredimensionar as  infraestruturas para que tudo decorra sem grandes sobressaltos em termos de abastecimento público”. 

A empreitada, que inclui, também, a realização dos arranjos exteriores, envolve um investimento total de 1,5 milhões de  euros e tem um prazo de execução de 6 meses.  

A rede de abastecimento público de água do Município de Albufeira é constituída por um conjunto de 20 reservatórios de  água, sendo que quatro deles são pontos de entrega da empresa Águas do Algarve, nomeadamente os reservatórios de  Bemparece, Mosqueira, Cerro do Ouro e Pinhal, sendo que a zona do Malhão é a única no concelho que continua a ser  abastecida por água subterrânea.  

Em 2020 foram fornecidos 10 milhões de metros cúbicos de água, valor bastante inferior a 2019 – 12 milhões de metros  cúbicos – situação que se prende com a pandemia. Para o efeito, para além dos depósitos, o concelho dispõe de 770  quilómetros de condutas que levam água de excelente qualidade até a casa dos consumidores. Refira-se que a qualidade da  água é confirmada através de dados disponibilizados pela ERSAR, que em 2019 atribuiu o “Selo de Qualidade Exemplar da  Água para Consumo Humano” a Albufeira, que comprova que foram cumpridos todos os critérios previstos pela entidade  Reguladora dos Serviços de Água e Resíduos. O galardão atesta que foram realizadas a totalidade das análises agendadas no  programa de controlo da qualidade da água, que atingiram os 99% ao nível do cumprimento dos valores paramétricos de  controlo de rotina (bactérias coliformes e Escherichia coli), bem como todos os valores paramétricos de cheiro e sabor. 

José Carlos Rolo acrescenta que ao longo do ano são realizadas mais de 300 análises à qualidade da água em Albufeira,  aconselhando a população a consumir água da torneira e a evitar comportamentos que conduzam ao desperdício. 

You may also like...

Deixe uma resposta