Fortaleza de Santa Catarina ganha Museu do Mar

Texto: Jorge Eusébio | Foto: Ana Sofia Varela, in Portimão Jornal nº36


A Fortaleza de Santa Catarina, situada na Praia da Rocha, vai passar para a responsabilidade da Câmara Municipal de Portimão, no âmbito do processo de transferência de competências do poder central para as autarquias.

O período de crise política que Portugal vive, com o cenário de ida antecipada para eleições legislativas, não deverá adiar ou comprometer essa passagem de ‘testemunho’, a qual deverá ocorrer a muito curto prazo, segundo afirmou Isilda Gomes, presidente da Câmara, ao Portimão Jornal.

Uma vez que o processo se concretize, refere a autarca, o objetivo essencial é “dar a este monumento a dignidade que ele merece”. Isso passará, desde logo, por uma intervenção de limpeza e de reparação de paredes e telhados, acrescenta.

Como já aconteceu no passado, a autarquia pretende que no interior daquele que é um dos monumentos mais visitados do concelho, voltem a funcionar estabelecimentos de restauração, bares e/ou snack-bares, que serão concessionados a entidades privadas.

Outro dos equipamentos que a autarca pretende instalar na Fortaleza de Santa Catarina é “um museu ligado ao mar”, uma vez que considera que aquele é o local ideal para o efeito.

Nesse núcleo museológico deverão ficar expostas algumas peças que se encontram guardadas no Museu de Portimão, que não tem espaço suficiente para as exibir, bem como outras que possam ser encontradas aquando das futuras obras de alargamento do canal de navegação do Porto Comercial local.

You may also like...

Deixe uma resposta