José Inácio volta a candidatar-se a Lagoa


José Inácio volta a candidatar-se a Lagoa

Pelos vistos, está feito. José Inácio volta a ser o candidato do PSD às autárquicas de Lagoa e a campanha até já está na rua!

Conforme se pode ver num outdoor colocado junto a uma das principais rotundas da cidade – um bocado danificado pela chuva – o lema escolhido é “Orgulho no Passado, Confiança no Futuro”.

O pessoal do marketing fez um bom trabalho, sobretudo no que diz respeito à fotografia do candidato, que parece ter rejuvenescido.

Mas, como a pressa é inimiga da perfeição, o cartaz apresenta uma gralha: a indicação de que a campanha é para as autárquicas de 2013 e não 2021! Tirando isso, está tudo bem.


Transporte urbano de Portimão vai ter carreira para… Monchique

Em Portimão, quem precisa de ir tratar de alguma coisa à Conservatória do Registo Civil tem de quase tirar férias, tais as demoras e atrasos que aí se verificam.

O melhor mesmo é pegar no carro e ir a outro concelho. E foi isso que a própria presidente da Câmara, Isilda Gomes, se viu forçada a fazer quando precisou de renovar o passaporte.

Foi na Conservatória de Monchique que acabou por resolver o problema, ela e mais um grande número de cidadãos portimonenses.

Em face disso, se os problemas da Conservatória de Portimão não se resolverem rapidamente, a autarca já pensa em estender a rota do transporte urbano do concelho até Monchique, uma vez que, pelos vistos, passageiros para rentabilizá-la não faltam.


A ‘Aliança’ de Desidério Silva

Sempre muito popular, apesar de agora se encontrar afastado da política, Desidério Silva parece continuar a ser disputado. O primeiro a tentar conquistar o antigo presidente da Câmara Municipal de Albufeira, foi o Partido Socialista, quando o tentou ‘chamar’ para dar a cara pelos ‘rosas’ nas últimas eleições autárquicas, em 2017. Como não aceitou, também não obteve o apoio dos socialistas na reeleição à RTA, de onde saiu em 2018.

Agora parece ser o novo partido Aliança que tenta seduzir Desidério. Correu até o rumor de que o ex-autarca tinha entregado o cartão de militante do PSD. Para já, ainda não conseguiu convencer Desidério Silva a passar para o novo partido, mas o ex-autarca, amigo pessoal de Santana Lopes, passou alguns contactos para ajudar o partido a ganhar nome no Algarve. Ainda assim, o futuro estará em aberto e veremos se haverá alguma surpresa…


Uma junta sem dinheiro

 

A Junta de Freguesia de Ferragudo passou a ter, desde março, uma sede ampla e condigna. Mas, o seu presidente, Luís Veríssimo, fartou-se de dizer alto e bom som, na inauguração, que foi a Câmara que fez todo o investimento, pois a Junta é pobre.

Provavelmente para deixar bem claro este ponto, numa das salas estava colocado um grande cofre que no seu interior não tinha sequer uma moedinha para amostra!

Imaginamos que Luís Veríssimo tenha feito questão de mostrar esse triste cenário ao presidente da Câmara. E espere que, condoído com tamanha pobreza franciscana, Francisco Martins volte a ‘abrir os cordões à bolsa’ quando a Junta precisar de mais qualquer coisinha.


“Você devia era candidatar-se a Lagos”

A cumprir o seu último mandato como presidente da Câmara de Vila do Bispo, Adelino Soares já começa a pensar no seu futuro. Apostado em manter-se na vida política, o cenário que mais lhe convinha era ir para deputado na Assembleia da República.

Mas, entre as vedetas, os que têm lugar cativo, provavelmente vitalício, na lista socialista e os que, por viverem em municípios mais populosos, juram a pés juntos que valem muitos votos, o autarca sente que é capaz de não sobrar para si o cobiçado lugarzinho.

Em face disso, já há amigos que lhe segredam ao ouvido que ele devia era apresentar-se como candidato à presidência da Câmara vizinha de Lagos pelo PS… ou por outro partido.

O que ainda não conseguimos apurar é se o homem está a levar a sério o conselho…


É colocar-lhe uma cláusula de rescisão no contrato

Num evento público, Isilda Gomes fartou-se de elogiar o comandante dos Bombeiros de Portimão, Richard Marques.

E destacou o excelente trabalho desenvolvido, que, inclusivamente, está a chamar a atenção da comunicação social nacional, até com grandes reportagens televisivas!

Só que, de repente, lembrou-se que tanto protagonismo podia ter a consequência indesejada de alguém vir acenar-lhe com uma proposta mais motivadora e levá-lo de Portimão. Na assistência, logo alguém sugeriu que se o homem é ‘craque’, há que fazer-lhe um contrato do género dos jogadores de futebol, colocando lá uma cláusula de rescisão milionária…

You may also like...

Deixar uma resposta