Coro de Santa Cecília de Florença atuará na Catedral de Silves


A Catedral de Silves será palco, a 16 de agosto, de um concerto pelo Coro Santa Cecília de Florença, num evento que resulta de uma parceria entre a Paróquia de Nossa Senhora da Conceição de Silves e a autarquia, e que terá lugar às 20h00, integrando o programa de atividades da XVI Feira Medieval de Silves.

O coro faz uma digressão por Portugal e contará com o tenor Daniele De Prosperi e a soprano Debora Beronesi. A música será executada ao vivo (às vezes com orquestra, às vezes com quartetos de cordas, ou simplesmente com órgão). Nos concertos portugueses estarão presentes a violinista Farfurì Nuredeni e o pianista Alessandro Pelagatti e dirigirá o coro, o fundador e compositor, Alessandro Benassai. 

O programa inclui músicas cantadas (Aleluia, Ode a Maria, Te Deum, Salmo 150, Virgem Mãe, Hino Apocalíptico) e peças instrumentais (Veni Creator, La donna delTrimundio). 

Em 1999, Alessandro Benassai funda a Academia e o Coro Santa Cecília de Florença com o fim de apresentar um novo género musical ao público. Benassai, de facto, com a colaboração de alguns músicos valentes, compõe músicas inspirando-se a temas sagrados (Te Deum, Alleluia …) utilizando exclusivamente a escala diatónica natural e seus oito modos. 

Os concertos do Coro de Santa Cecília de Florença receberam sucesso em todos os lugares, tanto na Itália como no exterior. A música resulta atual e clássica, moderna e tradicional ao mesmo tempo. As músicas são todas originais, mesmo que tenham sido ouvidas e aplaudidas pelo público há 20 anos. O coro é geralmente composto por cerca de trinta elementos, aos quais os alunos da Academia podem-se unir, bem como artistas de renome internacional. 

Acontece frequentemente que nos concertos participem cantores profissionais do panorama lírico.

You may also like...

Deixe uma resposta