Luís Carito apresenta hoje candidatura à Câmara de Portimão apoiado por PSD e CDS

O antigo vice-presidente da Câmara Municipal de Portimão Luís Carito, do executivo liderado por Manuel da Luz naquela altura, é candidato à presidência da Câmara de Portimão à frente de uma lista de coligação do PSD e CDS.

Luís Carito fará a divulgação oficial esta quarta-feira, 31 de março, às 18h00, na Fortaleza de Santa Catarina, na Praia da Rocha. Mais tarde, às 20 horas, o presidente da concelhia local do PSD, Carlos Gouveia Martins, e José Caçorino, que representa o CDS e o movimento Servir Portimão, apresentam, em frente ao Teatro Municipal de Portimão, as razões desta escolha.

Este era um nome que vinha a ser falado nos bastidores da política local, tendo o Portimão Jornal avançado na última edição impressa, publicada no dia 25 de março, que PSD e CDS teriam levantado a hipótese de apoiar alguém que, no passado, tinha ligações ao Partido Socialista. Essa opção estava a ser pensada e seria uma possibilidade, como agora se veio a verificar.

Ao longo da sua carreira política, Luís Carito foi deputado, diretor regional do Algarve da Segurança Social e vice-presidente do Instituto de Solidariedade e Segurança Social.

Em 2013, foi um dos visados de uma investigação levada a cabo pelo Ministério Público e pela Polícia Judiciária, por suspeitas de branqueamento de capitais, burla qualificada e participação económica em negócio.

O processo só ficou resolvido em janeiro de 2020, altura em que o Tribunal de Portimão determinou a sua absolvição, bem como dos restantes arguidos.

Após a sua saída da Câmara Municipal de Portimão, Luís Carito voltou a exercer a sua profissão de médico no Centro de Saúde da cidade.

You may also like...

Deixe uma resposta