Alimentos que fazem sorrir

walnuts with green leaves on burlap, isolated on white

Sabia que o que come pode influenciar o seu estado de espírito? Fique a conhecer os alimentos certos que ativam a serotonina, um neurotransmissor que atua no cérebro regulando o humor.

Anda triste ou irritadiço (a), apático (a) e sem energia, mas não sabe porquê? Já bebeu uns copos mas isso de nada serviu? Já tomou um tónico sem obter qualquer resultado? Então saiba que isso também pode estar relacionado com a sua alimentação, pois há alimentos cujos nutrientes influenciam o seu humor e o seu estado de espírito. Banana, mel e nozes são alguns dos alimentos indispensáveis e que devem regulamente fazer parte da sua dieta.

A sua ingestão não o faz ficar logo mais alegre, mas ativa a serotonina que é um neurotransmissor que atua no cérebro regulando o humor, o sono, o apetite, o ritmo cardíaco, a temperatura corporal e as funções intelectuais. Quando ela se encontra em baixa concentração, pode conduzir ao mau humor e a dificuldades em dormir. Uma das formas de aumentar a concentração de serotonina na corrente sanguínea é consumir alimentos ricos em triptofano, outra é praticar exercício físico com regularidade.

Por exemplo, a banana baixa a ansiedade, o abacate garante uma boa noite de sono e o mel deixa-o mais alegre. Já as nozes aumentam a concentração. Fique a saber com mais pormenor os principais alimentos que podem contribuir para o seu bem-estar emocional.

Banana
Esta fruta é um carbohidrato rico no aminoácido triptofano (cada 100g da banana contém em média 18mg de triptofano). Este aminoácido é uma substância precursora da serotonina – sua ausência deixa o organismo suscetível a depressão, irritabilidade, insónias e mau humor.

Abacate
Rico em ácido fólico, vitamina B3 (niacinamida) e potássio, o abacate tem mais proteína que qualquer outra fruta (cerca de 2 g para cada porção de 110 g), quantidades úteis de ferro, magnésio e vitaminas C, E e B6, B3 (colabora com a manutenção de hormônios que regulam as substâncias químicas do cérebro e garante efeito relaxante).

Mel
É um carbohidrato fonte de triptofano, com ação calmante que induz a uma sensação de bem- estar. Melhora a função da serotonina no cérebro.

Nozes
Estas oleaginosas possuem vitamina B1 (tiamina), que ajuda a converter glicose em energia e imita alguns neutrotransmissores.

Canela
Rica em polifenóis e antioxidantes, a cannela melhora a atividade da insulina, ajuda a estabilizar os níveis de açúcar no sangue e manté a produção de serotonina em equilíbrio.

Chá verde
Afasta os riscos do ‘stress’ oxidativo (deficiência de substâncias antioxidantes no organismo) que pode ter como consequências doenças como a obesidade e até depressão. O chá verde é rico em polifenóis, nutrientes antioxidantes que atacam os radicais livres das células cerebrais, mantendo a sua atividade neuroprotetora, diminuindo a probabilidade de inflamação cerebral e favorecendo sensação de bem-estar.

Salmão (Ómega 3)
Os peixes de água fria (salmão, atum, cavalinha) são considerados excelentes fontes de ômega 3, um ácido graxo com efeito protetor sobre os neurónios. Aumenta produção dos recetores de neurotransmissores como a serotonina, a dopamina e a noradrenalina, que protegem o cérebro e o sistema nervoso central dos radicais livres.

You may also like...

Deixar uma resposta