‘Espaço sem Água’ inaugurado nas Piscinas Municipais de Lagoa

Texto: Mónia Pontes | Foto: Carlos Pontes


A 26 de setembro foi inaugurado um novo espaço nas Piscinas Municipais de Lagoa: uma sala cultural, onde o objetivo é entreter miúdos e graúdos, nos momentos de espera pelos utentes da piscina.

No ‘Espaço sem Água’, é possível jogar, ler, pintar um desenho, ouvir uma história ou até realizar um trabalho. Patrícia Fernandes, a técnica responsável pelo espaço, explica como surgiu a nova sala.

“Sou Técnica de animação sociocultural há 22 anos na Câmara de Lagoa e este projeto foi criado na base do conceito do ‘placemaking’, utilizado por muitas empresas noutros países. Usa os espaços públicos para dar o máximo de utilidade e conforto aos utentes. Todas as piscinas do Algarve exploram este conceito e, como tal, achei que seria bom implementá-lo aqui, com esta sala e todas as atividades possíveis para agradar a miúdos e graúdos”, explica.

“No fundo, é um local onde todos podem passar, da melhor forma possível, o momento de espera e, assim, servir a população que utiliza este equipamento, evitando monotonia”, acrescenta.

E serão muitas as opções disponíveis. “Vamos ter aqui ações de âmbito cultural, ‘ateliers’ pedagógicos adaptados às várias faixas etárias, que decorrerão, na maioria, ao sábado de manhã, pois é a altura em que a piscina tem um grande fluxo de utentes, por isso, faz todo o sentido apoiá-los nessa altura. São atividades lúdicas, ‘ateliers’ de expressão plástica, pintura, trabalhos manuais, reciclagem, bem como momentos culturais, horas do conto, momentos musicais, sessões de poesia infanto-juvenil, entre outros”, descreve.

You may also like...

Deixe uma resposta